Ingredientes:

  • 1 picanha
  • 40 g de café não granulado solúvel em pó
  • Sal fino
  • Tempero dry rub, sem sal
  • Óleo de canola ou azeite extra virgem

Modo de fazer:

  1. Passe o sal fino por toda a picanha, sem exageros, e espere cerca de 10 minutos para que os sumos da carne subam à superfície.
  2. Passe uma generosa camada do tempero dry rub. O dry rub vai criar uma salmoura temperada que vai se misturar ao sumo da carne dando-lhe cor e sabor inigualável. Se o dry rub tiver sal, pule a etapa de número 1, ou seja não ponha sal fino na picanha.
  3. Espalhe um pouco de óleo de canola sobre a carne para hidratar os temperos secos.
  4. Cubra a picanha com uma generosa camada do café solúvel em pó e espere que o café seja hidratado, pelo óleo, antes de virar.
  5. Repita a aplicação do outro lado da carne e espere até o café ficar bem umedecido – o café não deve ser esfregado, mas absorvido naturalmente pela carne.
  6. Coloque a peça na grelha com calor médio, com a gordura virada para cima.
  7. Passados 20 minutos, vire a picanha, mas afaste a grelha da brasa para receber calor indireto, evitando labaredas que possam queimar a gordura e deixe por mais 20 minutos.
  8. Se preferir uma carne malpassada já pode retirar da grelha. Mas o ideal é assar a parte interna gradualmente. Para isso, afaste a picanha ainda mais do calor e espere por mais 20 minutos.
  9. Retire a picanha da grelha e deixe-a descansando na tábua por cerca de 10 a 15 minutos.
  10. Fatie da forma que preferir.

 

Dica:

Publicidade
  1. A crosta de café solúvel pode parecer queimada, mas na verdade fica tostada. Ela cria uma camada de proteção para preservar o sumo e proporcionar um sabor levemente defumado.

Publicidade
Publicidade