Malhação e Alimentação

Muitas pessoas praticam atividades físicas mas não sabem que para emagrecer ou para ganhar massa magra e conquistar o corpo dos sonhos é necessário aliar a atividade física a uma alimentação saudável.

Não adianta malhar o dia inteiro, suar a camisa todos os dias da semana, pegando pesado na musculação se não há cuidados com a alimentação. Comer alimentos com muita gordura, ricos em sal ou açúcar é o mesmo que estar em alto mar e nadar… nadar… nadar e morrer na praia.

Imagem

O corpo humano é uma máquina e funciona como um automóvel que necessita de combustível de qualidade para funcionar perfeitamente e, esse combustível é inserido em nosso corpo através dos alimentos.

Quando colocamos em nosso carro um combustível de má qualidade o carro começa a apresentar problemas como falhas na hora da partida, o motor sofre consequências das impurezas do líquido e podem causar danos ao filtro, velas e bombas. Pode ocorrer também uma perda repentina da potência.

Com nosso corpo não é diferente. Quando nos alimentamos erroneamente, temos um acúmulo ou falta de certas substâncias em nosso organismo que podem causar danos a nossa saúde e até a perda da vitalidade devido a doenças oportunistas que se instalam por conta das impurezas contidas nas substâncias daquilo que ingerimos.

Fazer dietas radicais exclui, em muito, substâncias que o nosso corpo precisa para funcionar bem – como os carboidratos e, isso até pode ajudar a emagrecer, mas além de ser prejudicial à saúde, com certeza quando a dieta for abandonada haverá ganho de peso rapidamente e, tudo terá sido em vão.

Comer como um glutão também é nocivo e, além do ganho de peso corporal, algumas doenças caminham de mãos dadas com a obesidade como a hipertensão arterial e a diabete.

Para tudo na vida deve haver um equilíbrio. Nada de escassez ou exageros! O ideal é uma alimentação saudável com alimentos balanceados. Os doces e as gorduras também são importantes para o bom funcionamento de nosso organismo, mas em excesso, causa danos. Daí os doces e as gorduras devem ser ingeridas apenas de vez em quando e, em pouca quantidade.

Passamos uma vida inteira nos alimentando mal e, para iniciar um processo de reeducação alimentar pode parecer difícil para muitas pessoas. Mas com o passar do tempo, através da perseverança, a necessidade de comer alimentos considerados não saudáveis diminui e a sensação de prazer e bem-estar começam lentamente a fazer parte do nosso dia a dia e a companhia de legumes, frutas e verduras nos farão satisfeitos e saudáveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.